domingo, 25 de janeiro de 2009

APARÊNCIA DO MAL (I TESSALONICENSES 5:22)

"Abstende-vos de toda aparência do mal." I Tessalonicenses 5:22

Se você é um gótico cristão, provavelmente já teve esse versículo distorcido e cuspido na sua cara em muitas ocasiões. Há alguns na igreja que não suportam a doutrina sã e para colocar pedras de tropeço no caminho de seus irmãos e irmãs, eles tiram as Escrituras de contexto e usam-na para condená-los. I Tessalonicenses 5:22 é uma das passagens bíblicas normalmente abusadas. Estão os góticos falhando em abster-se da aparência do mal por vestir preto, tingir os cabelos, colocar maquiagem, ou qualquer coisa que eles fazem? Se você acha que sim, então talvez você deva ler o resto deste artigo.

No ContextoExiste um ditado conhecido entre os teólogos que diz o seguinte: "Texto fora de contexto é pretexto para heresia!"

Antes de tudo, devemos levar este trecho das Escrituras em contexto e então definir o que significa “aparência” e o que significa “mal”.

Vamos começar por lendo a passagem onde o versículo 22 aparece:
Almeida

19 Não extingais o Espírito.
20 Não desprezei as profecias.
21 Provai tudo. Retende o bem.
22 Abstende-vos de toda aparência do mal.

Nova Versão Internacional

19 Não apaguem o Espírito.
20 Não tratem com desprezo as profecias,
21 mas ponham à prova todas as coisas e fiquem com o que é bom.
22 Afastem-se de toda forma de mal.

Português - IBS

19 Não entravem a acção do Espírito de Deus.
20 Não desprezem as profecias,
21 mas examinem tudo o que é dito. Guardem o que for bom.
22 Evitem qualquer espécie de mal.


O apóstolo Paulo, que escreveu Tessalonicenses, uma carta para a igreja em Tessalônica,
começou no versículo 19 uma discussão sobre o Espírito Santo. Ele ordenou para os crentes de

Tessalônica para não inibir o trabalho do Espírito Santo na igreja e permitir a outros crentes profetizarem se eles recebessem uma mensagem profética. Entretanto Paulo advertiu aos

Tessalonicenses cristãos para que testassem as profecias com a Palavra de Deus.

A versão Almeida não tem o sentido mais fiel e exato da palavra, porque o português mudou muito desde que a Almeida apareceu (1681). Enquanto lá diz “prove” todas as coisas, quer dizer “ponha a prova” todas as coisas. Se “prove” fosse a tradução correta da palavra, então significa que os cristãos têm que provar a validez de uma profecia, se ou não essa é real. Então, como você pode ver as arcaicas palavras usadas na Almeida não são “exatas” hoje em dia. A mesma coisa vale para a palavra “aparência”, usada na Almeida. Traduções como a NVI e a IBS mudaram a palavra para “toda forma” e “qualquer espécie” de mal. Paulo escreveu suas cartas na língua grega, então, quando voltamos aos originais, vemos que Paulo usou a palavra “eidos”. Que é mais exatamente traduzida como “formato” ou “forma, modo”. Não tem nada a ver com estilo de vestir-se ou os pigmentos usados na pele. E o que ele quer dizer quando fala “mal”? Voltando aos originais, a palavra do versículo 22 para mal é “poneros”, que não significa “roupas pretas, cabelos pretos, maquiagem branca, jóias de prata, etc.”. A palavra era usada como “calamidade, doença, malícia, culpa, pecaminosidade, dor, prejuízo, ou lascívia”. Mas eu não estou dizendo que os góticos não podem ser danosos, lascivos, etc., estou dizendo que o “goticismo” não é nada disso. O gótico comum não é mais pecador que o comum não-gótico. De fato, os góticos são as pessoas mais calmas, pacifistas e tolerantes da sociedade ocidental.
-------------------------------------------------------------------------------------------------
Mal?

Então, já estabelecemos que o goticismo não se adequou à definição de “mal” como é usada em I

Tessalonicenses 5:22, e que “aparência” não está falando de aparência externa (como o estilo de vestir-se).

Então, o que uma pessoa do século 17 quer dizer com “aparência do mal”? Ela significa evitar o mal (lascívia, malícia, prejuízo, etc.) e de qualquer tipo ou forma. Não tem nada a ver com o estilo gótico de vestir-se (desde que o estilo gótico de vestir-se não estava totalmente desenvolvido até os anos 80). O apostolo Paulo estava avisando aos Tessalonicenses para que evitassem as profecias más em particular "mas ponham à prova todas as coisas e fiquem com o que é bom.

Afastem-se de toda forma de mal."

Quando alguém olha a passagem em contexto, as coisas começam a fazer um pouco mais de sentido. Mas então a questão chega em: vestir-se no estilo gótico é uma forma de mal?

AparênciaTambém, um outro fato é este: “O próprio Satanás persiste em transformar-se em um anjo de luz”, II Coríntios 11:14. Então, nós podemos concluir só uma coisa - que sua aparência não lhe faz mais ou menos santo que você já é. Se sua cor favorita é azul, vermelha, rosa, branca, ou preta, Deus não se preocupa (mas isto, claro que, não desculpa ninguém de usar roupa sexualmente sugestiva ou imoral).

Desde que a aparência de Satanás é como um anjo de luz, isso o faz santo? E se Jesus, provavelmente, usou preto ao menos em um momento de sua vida, isso lhe fez então menos santo? Claro que não!

Paulo também escreveu em Tito 1:15, "Todas as coisas são puras para os puros, mas para os aviltados e os sem fé, nada é puro. Porém tanto as suas mentes como as suas consciências estão aviltadas." Para aqueles que têm mentes impuras com o ódio, fanatismo e ciúme, o estilo gótico parece impuro, porque é tudo que eles querem ver. As pobres pessoas que foram criadas em ricas e belas casas, sendo doutrinadas com todos os estereótipos das gerações prévias não podem ver as coisas como elas são, porque elas já tiveram isto enfiado nas suas mentes: qualquer um que não conforma a sociedade é estranho e ruim.

Sheri Luckey Watters, da banda cristã de música gótica, "Wedding Party," falou, "Um diácono de
uma faculdade bíblica me falou uma vez que o modo como eu me visto não era conducente à

Caminhada Cristã. Foi então quando eu lhe falei que eu tinha estado ao redor da máfia na Flórida e eles usavam ternos e gravatas e eram assassinos e a roupa deles não era mais santa que a minha."

O fato que você não pode julgar alguém baseado no que eles vestem está nas Escrituras. Em I Samuel 16:7, está escrito, "Mas o Senhor disse a Samuel: ´Não olhes para a sua aparência [...] Porque não como o homem vê é o modo de Deus ver, pois o mero homem vê o que aparece aos olhos, mas quanto ao Senhor, Ele vê o que o coração é."

Concluindo Então, à luz destas coisas, por favor, guardem em suas mentes que vocês vão encontrar cristãos de todos os tipos ao redor do mundo. Tenha cuidado em não julgar as pessoas com estereótipos, "pois, com o julgamento com que julgais, vós sereis julgados; e com a medida que medires, medirão a vós." (Mateus 7:2).

Com amor no sangue de Cristo,Texto original em inglês disponível em Goths 4 Jesus - Tradução oficial, Sociedade Rosa Azul.
Fonte: www.mihgothchristmetal.blogspot.com

3 comentários:

Antonio Carlos Freitas Pinto disse...

Estou aqui sem mair ofensa! E ao contrario do que possa achar, estou dando uma contribuição do acho certo. O apostolo Paulo já tinha alertado para que nós não se conformássemos com as coisas do mundo. O rock nasceu das idéias de pessoas que não tinha nenhum compromisso com Deus! Isso é fato.
Daí, dizer(algumas pessoas)que música foi o Criador que fez, instrumento de som também ...e por aí vai...daqui a pouco, vão criar o "carnaval gospel". E aí é que vem a pergunta: Por que não?!
Meu DEUS do céu...existe banda que quando os componetes dançam, parecem estar possuído por foçãs "luciferians". Ficam em transe edevem achar que estão adorando a Deus. estão é satisfazendo a carne e agradando satanás. Mas independente do que vão achar, eu só tenho uma certeza: Deus no dia do juízo irá cobrar. Nada contra a spessoas se maquiarem, mas do jeito que se apresentam, querem mesmo esaconder a imagem e semelhança de Deus. Já pensaram nisso. Por favor, em nome de Jesus, não fiquem aborrecido comigo. Só estou tentando mostrar o que eu acho que está certo. Se voces acham ao contrário, tudo bem. o melhor de tudo e sermos amigos e amar ums aos outros!

Anônimo disse...

Caro Antonio Carlos,
Terei que descordar da sua opinião a respeito do rock e sua origem. O rock não nasceu de ideias de pessoas que não tinham nenhum compromisso com Deus, pois o Rock é um termo abrangente que define o gênero musical popular que se desenvolveu durante e após a década de 1950. Suas raízes se encontram no rock and roll e no rockabilly que emergiu e se definiu nos Estados Unidos da América no final dos anos quarenta e início dos cinquenta, que evoluiu do blues, da música country e do rhythm and blues, entre outras influências musicais que ainda incluem o folk, o jazz e a música clássica. Na década de 1970, o rock incorporou influências de gêneros como a soul music que é o que chamamos de gospel nos dias de hoje. O rock por muito tempo foi descriminado por sua origem que vem de ritimos africanos e como esistia muito precenceto contra negros o rock foi intitulado como satanico da mesma forma que as musicas dos negros erão tratadas... Querido o Rock é só mais um genero musical, sei que hoje o rock esta cada vez mais macabro, mas isso não quer dizer que o pai do rock seja o diabo... agora mim responda qual ritomo musical é correto para adorar a Deus?
todos os ritimos musicais tem origem na musica mundana... Por tanto os roqueiros não tem o direito de louvar a Deus da sua maneira?
Mas os pagoderos, fanqueiros, forroseiros podem?
Deus não que ritimo ele quer adoração... e como diz PG é "RCK'n'rool mais é vida com Cristo!"... não importa acor que vc veste, não importa o estilo de musica que vc gosta o importante é louvar de coração e eu louvo com o rock., pois foi atravez de muitas bandas cristãs do meio gospel que conheci a Cristo...
e assim serar com muitos outros jovens...
ATT
Israela Amaral

Fabio Roberto Bueno disse...

Deus de amor entao ouvir o cantor Fernandinho e pecado? O estilo de.musica dele e rock mas e pura biblia... Pr. Fabio. Gente vamos nos preocupar com a letra o conteudo. Deus usa de estrategia para ganhar as almas... Nao podemos espiritualizar tudo.